Total de visualizações de página

sábado, 10 de agosto de 2019

NOVAMENTE ENCARANDO MEUS MEDOS!




E aqui estou eu novamente encarando meus medos!
Dessa vez bem diferente!
Lá vou eu na minha "magrela", no meio do vai e vem de carros, sempre apressados, e "bikes" super apressadinhas.
Eu, tendo que enfrentar o medo de cair da "bike", equilíbrio quase zero.
Sem sentir os pedais, pés dormentes, o pé esquerdo escorregando vez por outra.
Lateralidade visual zero, problemas na visão.
Ha! a idade! São apenas 77 anos...
Tempo que não ando de "bike"? São apenas 7 anos.
Mas o que são esses pequenos detalhes? Tenho Deus e seus anjos ao meu redor!
Estou tirando de letra...
Vou às compras no supermercado, vou ao laboratório entregar material e buscar os resultados, vou ao pilates, vou à farmácia...
Note-se que da minha casa até o centro onde ficam essas lojas eu ando uns 4km de "bike". A vantagem é: melhora da resistência física, melhor tônus muscular e estou fazendo fisioterapia ao ar livre e de graça.
E lá vou eu na "magrela" em meio a esse trânsito louco. Subo, desço, atravesso ruas, e finalmente adiante chego a ciclovia mas preciso ter cuidado, os carros passam a toda velocidade bem ao lado, mas "pera" aí, tenho que me preocupar com os cruzamentos pois os motoristas nem sempre são gentis. Ufa! cheguei ao meu destino mas, já já, estarei voltando e enfrentando toda essa confusão de novo.
Apreciar a paisagem? Qual nada é muita confusão que não dá. É carro pra lá e pra cá, bikes passando apressadas e com caronas e, pessoas andando pelas ruas e não pelas calçadas.
Mas continuo e continuo, em meio a essa confusão, barulhenta e perigosa.
Isso tudo por conta de uma colisão sofrida em 09/07/2019, nesse transito louco da cidade, pequena mas bem confusa. Hoje, 10/08/2019 um sábado véspera do dia dos pais, ainda estou sem o carro, está na oficina, apesar do seguro.
Esse é mais um dos tantos desafios e tempestades enfrentados nesses 53 anos de vida matrimonial. Os 24 do tempo de solteira, foram leves e divertidos.
Mas como já disse " Se Deus é por nós, quem será contra nós".
Citando Jeremias 1,19: "Eles te combaterão mas não conseguirão vencer-te, porque estou contigo, para livrar-te"...
E lá vou eu de "magrela" ou de carro vivendo a vida que Deus me provê, enfrentando as adversidades da caminhada nessa jornada.
Viver! Tremenda aventura radical!

Nenhum comentário:

Postar um comentário